Investidor vs Especulador Financeira: O que são?

Investidor vs Especulador Financeira: No mercado de ações, existem os investidores e os especuladores. Você sabe a diferença entre estes dois perfis? Descubra mais no artigo a seguir.
A grande diferença entre o investidor e o especulador está na quantidade do risco assumido no mercado de ações. Conceituar estes dois perfis não é tarefa fácil, mas existem diferenças bem visíveis entre eles. Quem é o investidor?
O investidor é aquele que tem como meta principal remunerar o seu capital por meio do financiamento de atividades. Sejam elas atividades econômicas, individuais, governamentais ou projetos.
Também podem ser investimentos primários – quando se destinam diretamente para o objeto do investimento. Ou secundários – quando se tratam de investimentos de outros investidores.
Ou seja, o investidor é aquele que calcula os riscos e analisa o retorno dos seus investimentos. Ele sempre busca uma alta rentabilidade aliada ao baixo risco do negócio. Leia também   Economia do Brasil melhora: PIB cresce 0,4%
O investidor sempre vai olhar para os ganhos no médio e longo prazo. Vai investir em ativos que, apesar das oscilações do mercado, não irão lhe tirar o sono. Pois sabe que o retorno se dará em um futuro mais longínquo. Quem é o especulador?
Já o especulador é aquele que quer ganhar dinheiro no curto prazo, e busca se antecipar aos movimentos do mercado. Esse agente está sempre de olho nas oscilações dos ativos, commodities, títulos, moedas, etc.
Mas o que é especulação financeira? A especulação é o ato de lucrar muito com pouco dinheiro e sem qualquer análise. O especulador é aquele que visa o lucro com as flutuações dos preços dos ativos.
Para o especulador, seus esforços são concentrados no curto prazo. O objetivo é o potencial de lucro, mesmo que com alto risco do capital empregado. Assim, quando adquire um ativo, o especulador aposta tudo na sua valorização. Leia também   Fundos de previdência estão em alta
Para o mercado financeiro, a especulação é benéfica. Pois proporciona liquidez à economia e maior giro dos ativos. No entanto, o termo especulação ainda é visto de forma pejorativa.
Gostou do artigo? Então assine a nossa newsletter  e fique por dentro de as nossas atualizações! Não esqueça de curtir nossa página no Facebook. Tags: Especuladorinvestidorinvestimento capital