Onde Warren Buffet investe? Veja sua carteira de ações

Provavelmente, não há outra carteira de ações mais buscada do que a do bilionáro Warren Buffett. Seu histórico notável de superar o S&P 500 é incomparável. Investidores tentam há anos analisar suas escolhas de ações, esperando se tornar o próximo Warren Buffet.
Confira todas as carteiras recomendadas de ações
Índice de conteúdo Os segredos de Warren BuffetAppleWells Fargo & CompanyKraft Heinz CompanyBank of AmericaCoca-Cola Company Os segredos de Warren Buffet
Buffett nunca desviou de seu princípio mais fundamental: comprar grandes empresas a bons preços e mantê-las para sempre. Esse princípio explica suas cinco principais participações, que você provavelmente não encontraria nas recomendações da maioria dos analistas. No entanto, todas as suas cinco principais participações têm várias coisas em comum. São empresas grandes e bem administradas, com balanços sólidos. Além disso, geram muito dinheiro que retornam aos acionistas por meio de dividendos.São empresas grandes e bem geridas, com balanços sólidos. Assim geram muito dinheiro que retornam aos acionistas por meio de dividendos. Mas sem enrolação, vamos a lista? Leia também   4 previsões do Bitcoin e Criptomoedas para 2019 Apple
Com 14,63% do portfólio da Berkshire Hathaway, a empresa que Steve Jobs construiu é a maior holding de Buffett. A Berkshire Hathaway possui 239,5 milhões de ações da Apple em maio de 2018. Essa participação está avaliada em US$ 29,96 bilhões. A Apple ultrapassou a Wells Fargo em sua carteira de ações. Isso depois que a Berkshire Hathaway comprou mais ações da Apple em fevereiro de 2018.
Olha só a oportunidade! Se você tivesse investido $1.000 nas ações da Apple, quanto você teria hoje. Wells Fargo & Company
Com 14,54% de sua carteira, a Wells Fargo & Company é a segunda maior posição de Buffett. E já foi 1º lugar por alguns anos. Buffett começou a investir na Wells Fargo em 1989 e vem aumentando sua posição desde então. Ele detém mais de 456,5 milhões de ações avaliadas em US$ 23,9 bilhões, até 15 de maio de 2018. A participação de Buffett no WFC vale US$ 23,9 bilhões. Kraft Heinz Company
A terceira maior participação de Buffett chegou até ele através de uma fusão de gigantes. Essa fusão veio do setor alimentício, entre a Kraft Food Group e a H.J. Heinz Company. Buffett possuía 500 milhões de ações da Heinz antes da fusão. Ele facilitou a aquisição trabalhando com seu parceiro de investimento, a 3G Capital, que possuía uma participação semelhante na Heinz. Após a fusão, Buffett agora possui 325,6 milhões de ações da empresa, avaliadas em US$ 20,3 bilhões. Mas Buffet já admitiu que foi um erro comprar tanto da Kraft Heinz. Isso após desastre com a empresa na Bolsa e queda de mais de 20%. Leia também   Como funciona o Equity Crowdfunding? Bank of America
Com 679 milhões de ações em seu nome, a quarta maior participação de Buffett é no Bank of America. Assim, sua participação está avaliada em US$ 20 bilhões e representa 10,48% de seu portfólio. O Bank of America é sua segunda maior participação no setor financeiro depois da Wells Fargo. Coca-Cola Company
Warren Buffett uma vez alegou que bebe cerca de 5 latas de Coca-Cola por dia. Será que esse é o motivo pelo qual a Coca-Cola Company é sua quinta maior participação. Sabemos que ele gosta da durabilidade do produto principal da empresa, que permaneceu praticamente inalterado ao longo do tempo.
Buffett começou a comprar ações da Coca-Cola no final dos anos 80. O bilionário não parou até incluir 25% de sua carteira. Agora é um viciado em açúcar. Ele detém 400 milhões de ações com um valor total de mercado de US$ 18,3 bilhões. Isso representa representa 9,6% de seu portfólio. Leia também   C6 Bank pode começar a oferecer seguros
Assim, enquanto os valores da marca permanecerem forte no mundo inteiro. E também seus fluxos de caixa futuros permanecerem altos, a Coca-Cola deve continuar sendo uma das principais participações de Buffett.
Concluindo, não queremos que com esse post você copie a carteira de Warren Buffet, pois você estaria fazendo errado. O momento em que ele investiu era outro, além disso ele deve ter se guiado por suas próprias escolhas. Faça o mesmo, sem influência de analista ou corretoras. Aprenda a investir em ações sem medo e seja sócio das maiores empresas do Brasil. Tags: 3G CapitalAçõesAppleBolsaCoca-ColadividendosEUAInvestimentosKraft HeinzKraft Heinz CompanyNYSEPortfolioWarren BuffetWells FargoWFCO34