Vale a pena investir na Telefônica (VIVT4)? Confira nossa análise

Vale a pena investir na Telefônica (VIVT4)?
Hoje vamos entender se vale a pena investir na Telefônica (VIVT4). Abaixo, seguem algumas informações relevantes e o vídeo de apresentação da companhia, levando em conta os resultados recentes. Quem é a Telefônica (VIVT4)?
A Telefónica está presente em mais de vinte países e é uma das maiores empresas de telecomunicações do mundo, tendo sido fundada em 1924 na Espanha. Passou a atuar no mercado nacional a partir da aquisição da Companhia Riograndense de Telecomunicações (CRT) e expandiu sua área de atuação para o Sudeste com a compra da Telesp, no programa de privatização da Telebrás em 1998. Também passou a controlar outras companhias da mesma região, tal como a Atrium Telecomunicações, especializada em internet, intranet e gerenciamento de sistemas de telecomunicações e equipamentos correlatos. Inicialmente eram oferecidos apenas serviços de telefonia e banda larga, mas após a parceria com a TVA em 2007, entrou no mercado de TV a cabo. Cinco anos depois, a TVA foi incorporada à empresa.
A Vivo é sua principal marca comercial no Brasil. A ações da controlada foram adquiridas em 2010 em uma negociação com a Portugal Telecom, transformando a companhia na maior participante do mercado nacional de telecomunicações. Em 2015 adquiriu a GVT, fortalecendo sua posição na oferta de rede fixa fora do estado de São Paulo. A última movimentação societária foi em 2017, com a compra da totalidade das ações da Terra Network Brasil. A operação tem como objetivo a ampliação de serviços digitais. Atualmente, é a maior empresa do setor, tendo quase cem milhões de clientes, oferecendo 75% de seus serviços para operação móvel. Possui um market share em serviço móvel próximo a 32% e uma cobertura de mais de 2,6 mil municípios com a rede 4G, sendo a líder nesta tecnologia em 17 estados do território nacional. Alguns números:
– Quase 100 milhões de clientes;
– Sendo 75 milhões em operação móvel;
– Cobertura de 85% da população com rede 4G;
– Presença em mais de 2.700 cidades;
-Tecnologia de fibra óptica em 215 cidades;
-R$ 77,258 bilhões em valor de mercado;
-Grupo Telefónica presente em 21 países;
-125 mil funcionários. Pontos Positivos
-Líder em cobertura 4G;
-Boa pagadora de dividendos;
-Alta geração de caixa;
-Redução na alavancagem financeira;
-Eficiência operacional. Pontos Negativos
–  Queda em acessos fixos;
-Queda do pré-pago;
-Maturidade de serviços de voz;
-Alta capitalização. Vídeo – Vale a pena investir na Telefônica (VIVT4)?
Quer receber as melhores análises e recomendações para a montagem de uma carteira de ações de longo prazo? 
Caso você queira receber análises e recomendações de longo prazo para a montagem da sua carteira de ações, conheça o INVISTA EM AÇÕES. Sobre o Invista em Ações
Conheça nosso produto INVISTA EM AÇÕES e tenha acesso a atualizações de 3 Carteiras Recomendadas com diferentes perfis: Carteira Dividendos, Carteira Crescimento e Carteira Top Recomendadas. Receba, ainda, análises e recomendações das melhores ações da Bolsa de Valores. Ou você quer receber recomendações para operar no curto prazo?
Caso você queira receber análises e recomendações de médio e curto prazos, conheça o FULL TRADER. Sobre o Full Trader
O FULL TRADER é o produto mais completo de recomendações de operações em Bolsa de médio e curto prazos. Receba as melhores recomendações nos mais diferentes mercados e estratégias: Day Trade, Swing Trade e Position Trade em Ações, Índice Futuro e Dólar, Opções, Long&Short, Termo e Aluguel de Ações, Boi Gordo, Milho e S&P Futuro.
Conheça o nosso Produto FULL TRADER.
Analistas Responsáveis
Danillo Sinigaglia Xavier Fratta, CNPI-T EM-1795
Daniel Karpouzas Barcellos, CNPI EM-1855
 
Quer ficar por dentro das novidades do mercado financeiro? Conheça o nosso Canal no Youtube e inscreva-se.
Fontes das Informações: Valor. InfoMoney. Quantum. Estadão. Broadcast. Folha. Exame. B3. MoneyTimes.
Importante: Leia o nosso Disclosure, antes de investir.