O que a vida quer da gente é coragem

Eu converso e treino muitas pessoas e a coisa mais comum que atrapalha o sucesso das pessoas é o medo. A maioria de nós tem uma vozinha. Ele senta em seu ombro e sussurra é nosso ouvido …

PUBLICIDADE

Isso é perigoso!

Cuidado!

Espere … dê um tempo …

PUBLICIDADE

Não tenho tanta certeza disso?

E o meu favorito … Eu não faria isso se fosse você!

O que a vida quer da gente é coragem!

PUBLICIDADE

Freqüentemente, deixamos o medo ditar nossas decisões. No entanto, levar uma vida corajosa é uma das melhores maneiras de ter sucesso nos negócios e na vida. O famoso pensador positivo Dale Carnegie certa vez aconselhou as pessoas a fazerem o que temem como a maneira mais rápida de vencer o medo. Então, como você bane o medo e vive a vida que deseja? Esses 10 podem ajudar. 

  1. Abrace a vulnerabilidade

Pessoas que vivem uma vida baseada no medo geralmente têm pouca ou nenhuma confiança em si mesmas. Se você tem medo de que outras pessoas vejam quem você é, abra-se e torne-se mais vulnerável.

  1. Admita que você tem medos

Além de se abrir para os outros, admita que tem medos. Identificar do que você realmente tem medo fornece as informações de que precisa para superar os medos e as inseguranças.

  1. Enfrente seus medos

Expor-se aos seus medos é uma ótima maneira de superar a fobia ou o medo. Pessoas que têm medo de cobras costumam mudar de ideia depois de lidar com cobras com a ajuda de um profissional treinado.

  1. Pense positivamente

Parte de uma atitude positiva é permitir que os outros o amem e mostrem afeto. Se você é o tipo de pessoa que recusa favores, deixe que os outros façam coisas boas por você.

  1. Reduza seu estresse

Às vezes, você sente medo devido à exaustão. Certifique-se de comer bem, dormir o suficiente e fazer exercícios. Faça pausas e tire suas férias. Todos nós precisamos de uma pausa. 

  1. Demonstre coragem

Outra maneira importante de superar o medo é mostrar sua coragem. Reserve um tempo para ajudar uma pessoa que está em uma situação perigosa. Em vez de ignorar uma pessoa em perigo, peça ajuda ou tome medidas ousadas para intervir.

  1. Conheça o fracasso, mas prossiga

Se você falhar, não se enrole como uma bola ou vá para um canto metafórico. Em vez disso, continue avançando.

  1. Lide com riscos e incertezas

Você pode vencer seus medos aprendendo a lidar com as incertezas da vida. Se você tem medo de perder sua casa devido a uma execução hipotecária, abra uma conta poupança de emergência. Se você tem medo de perder seu cônjuge para outra pessoa ou de um cliente, descubra o que é preciso para mantê-lo.

  1. Continue a aprender

Continue a crescer tentando aprender e melhorar constantemente suas habilidades. Aproveite todas as oportunidades para aprender uma nova habilidade. Leia os livros dos principais líderes de pensamento e tudo o que puder sobre o seu setor. Quanto mais você sabe, menos risco terá de correr para ter sucesso. 

  1. Aceite seus desafios

Permaneça no curso mesmo depois de enfrentar desafios e medos. Em vez de esconder o que está por vir. Em muitos casos, o medo está apenas na sua cabeça. A maior parte do que você teme nunca acontecerá. Não perca tempo se preocupando quando você pode progredir vivendo.

o que a vida quer da gente é coragem
o que a vida quer da gente é coragem

Não podemos e não devemos deixar o MEDO conduzir nossas decisões. Não devemos deixar o MEDO nos impedir de fazer o que queremos e o que merecemos. Não devemos permitir que o medo controle. Portanto, lide com o FEAR para que possa começar a se concentrar nas coisas mais importantes, como … alcançar seus objetivos. 

Quem somos agora não é quem éramos ano passado, semana passada, ontem ou mesmo um minuto atrás. A vida nunca pára, não importa o que façamos. Mudança é a própria natureza da existência – nossos pensamentos, sentimentos, crenças, idéias, até mesmo nossos relacionamentos são tão mutáveis ​​quanto a chuva e o sol, ou noite e dia. Mas, por mais que a mudança seja inevitável, nem sempre é bem-vinda ou fácil de lidar. Isso pode perturbar nosso mundo e gerar muitos sentimentos conflitantes.

No entanto, é nesses momentos em que tudo parece sem esperança que temos uma chance real de crescer para algo melhor: o que a lagarta chama de fim do mundo, nós chamamos de borboleta!

A jornada para essa transformação é mais tranquila quando podemos recuar da raiva, medo ou tristeza e respirar, antes que a emoção tome conta. Então podemos permitir que o problema passe, pois nem mesmo aqueles sentimentos que parecem tão enormes, importantes ou opressores permanecem os mesmos. Com o tempo, o que é vital para nós agora logo perderá sua relevância.

Saber disso significa que podemos ficar mais à vontade com as mudanças. À medida que os pensamentos vêm e vão, enquanto observamos as emoções sobem e descem como ondas, enquanto a dor física, emocional ou mental é sentida e depois desaparece, vemos como esse ir e vir se aplica a tudo, até mesmo à nossa respiração. Esse senso de ritmo nos informa que, se esperarmos o suficiente, mesmo os tempos mais sombrios também passarão.

Deixo o texto inspirador desse artigo por João Guimarães Rosa.

O que a vida quer da gente é coragem

“O correr da vida embrulha tudo,
a vida é assim: esquenta e esfria,
aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta.

O que ela quer da gente é coragem.

O que Deus quer é ver a gente
aprendendo a ser capaz
de ficar alegre a mais,
no meio da alegria,
e inda mais alegre
ainda no meio da tristeza!
A vida inventa!
A gente principia as coisas,
no não saber por que,
e desde aí perde o poder de continuação
porque a vida é mutirão de todos,
por todos remexida e temperada.
O mais importante e bonito, do mundo, é isto:
que as pessoas não estão sempre iguais,
ainda não foram terminadas,
mas que elas vão sempre mudando.
Afinam ou desafinam. Verdade maior.
Viver é muito perigoso; e não é não.
Nem sei explicar estas coisas.
Um sentir é o do sentente, mas outro é do sentidor.”

João Guimarães Rosa

PUBLICIDADE

INSCREVA-SE

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner