Google Play Store: Conheça seus recursos e como baixar

Google Play Store: Como baixar
Foto: (reprodução/internet)

Para os aplicativos de tablets e smartphones que utilizam sistema operacional Android, o Google Play Store é sua loja oficial. A partir dele, pode-se rapidamente e de maneira muito prática, fazer download e instalação de milhões de diferentes softwares entre pagos e gratuitos. É possível também encontrar músicas, revistas, filmes, e-books e até mesmo programas de televisão.

PUBLICIDADE

Customizando a experiência do Google Play Store

Por padrão os dispositivos Android já vem de fábrica com o Google Play Store instalado, isso se deve ao fato de a loja ser o ponto a partir do qual o usuário começa a customizar o dispositivo com seus aplicativos preferidos criando sua própria experiência.

Ao entrar no Play Store, a primeira coisa que se vê é um enorme catálogo de produtos. Eles estão arranjados em categorias diversas e destaques recentes. É possível ainda, pesquisar por aplicações desenvolvidas com os temas mais variados como fotografia, redes sociais, produtividade, ferramentas etc. Os games possuem uma ampla gama de categorias que busca atender a múltiplos públicos: cartas, estratégia, corrida e muito mais.

Possíveis restrições aos usuários

Caso seu dispositivo não possua certas funcionalidades que podem ser requeridas por alguns apps, estes aplicativos possivelmente não aparecerão na sua lista quando buscar por apps. Por exemplo, aplicativos que precisem de sensores de movimento não aparecerão para download em um dispositivo sem essa funcionalidade. Existem mais restrições que podem ser encontradas, como por exemplo, restrições por região. Caso os desenvolvedores e determinado app optem por não disponibilizar sua aplicação para determinado país, nenhum usuário localizado naquela região poderá fazer o download do app, que nem sequer vai aparecer em listas de busca.

PUBLICIDADE

Lançamento de aplicativos, o lado do desenvolvedor

Por volta de novembro de 2014 já havia desenvolvedores de 61 países habilitados a distribuir aplicações pagas na plataforma. Para tanto, os desenvolvedores devem arcar com o valor de inscrição de 25 dólares. A justificativa para tal cobrança é assegurar a qualidade dos produtos no Google Play Store, argumentando que se o desenvolvedor deve efetuar o pagamento para se inscrever, é natural que ele acredite estar oferecendo um produto de excelência.

O Google Play Store deixa seus desenvolvedores liberaram as versões iniciais de suas aplicações a um grupo seleto de usuários. As chamadas versões alfa e beta para testes. Elas servem para os desenvolvedores fazerem ajustes, consertarem bugs e implementarem funcionalidades desejadas a partir da perspectiva do usuário final antes mesmo do lançamento do app e de ampla divulgação. Também é permitido a eles lançaram atualizações em etapas, primeiro para um grupo menor de usuários e então aumentando progressivamente.

Ao realizar o registro da aplicação e lançaram o produto, os desenvolvedores controlam, conforme previamente informado, que países terão acesso, também o preço do aplicativo em cada região. O Google Play ganha uma comissão de 30% sobre qualquer venda efetuada na plataforma enquanto os desenvolvedores ficam com 70% do valor. A princípio todos ganham. O desenvolvedor que pode projetar sua aplicação através dessa vitrine com milhões de potenciais clientes, até o usuário que pode usufruir de uma incrível diversidades de aplicações, muitas delas gratuitas, em poucos toques na tela.

App Store, a equivalente para iOS

Para os dispositivos iOS como iPhone, iPad, Mac e outros da marca Apple, não se utiliza a Google Play Store e sim a App Store, exclusiva para tais dispositivos. É também uma loja virtual de aplicações nos moldes da sua análoga do Android.

O processo para fazer o download de aplicações é essencialmente o mesmo daquele empregado nos dispositivos Android. No entanto, existe uma diferença em como as lojas operam ao adicionar um novo item ao seu catálogo de apps. No Android, a princípio, o aplicativo recebe a aprovação por padrão e só depois poderá ser removido do catálogo caso ele não cumpra com as regras da comunidade Android. Já para os aplicativos da App Store trata-se a questão da forma inversa: primeiro o app deve ser aprovado, para depois ser disponibilizado na loja para que os usuários possam efetuar downloads daquela aplicação em seus dispositivos.

Android ou iOS?

Naquilo que tange suas lojas oficiais de aplicativo, o usuário não sai perdendo de lado nenhum. Existem mais de 600 mil apps na loja Android, enquanto para iOS os números não são menos impressionantes ultrapassando os 500 mil aplicativos para os dispositivos da Apple. No fim ambos os sistemas oferecem ampla variedade de apps para customizarem sua experiência com seu smartphone. Resta saber sua preferência, Android ou iPhone?

PUBLICIDADE

Como baixar o Google Play Store

A opção mais segura para baixar o Google Play Store é seguir os passos oficiais do Google para isso. Para mais informações, consulte o site oficial clicando aqui.

PUBLICIDADE

INSCREVA-SE

Digite seu email:

Entregue por FeedBurner